Atenção psicossocial no uso de álcool e drogas será foco de Fórum

88

drogas-alcool

Com o tema “Redução de Danos e o Processo de Cuidado” acontece na próxima segunda-feira, 26, o 2º Fórum Permanente dos Serviços de Saúde com foco na atenção psicossocial no uso de álcool e outras drogas. A programação será das 8h30 às 12 horas, no miniauditório do Centro Universitário Luterano de Palmas (Ceulp/Ulbra). O evento tem como objetivo dar continuidade aos trabalhos do I Fórum, realizado em abril deste ano, que visa à qualificação da articulação da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS).

 

O público-alvo são os trabalhadores da saúde que atuam no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II), Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Outras Drogas (CAPS AD III), Núcleo de Apoio a Saúde da Família (Nasf), Centros de Saúde da Comunidade, Henfil, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Unidades de Pronto Atendimento (UPA), Consultório na Rua, Fundação da Juventude, Fesp, Palmas que te Acolhe, e nos hospitais Geral de Palmas, Infantil e Dona Regina, além de acadêmicos e professores do curso de Psicologia do Ceulp/Ulbra. Os trabalhadores de outras instituições não relacionadas que quiserem participar basta enviar email para saudemental.palmas@gmail.com.

 

O tema do evento será abordado em palestra ministrada pelo psicólogo Décio de Castro Alves, que atua como interlocutor do Projeto Redes, uma iniciativa da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça (Senad), em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

 

“A escolha desse tema é justamente para reforçar a importância de articulação de políticas públicas com bases científicas no tratamento, considerando a dependência química uma questão de saúde. A proposta é abordar junto aos trabalhadores da Raps e demais redes, formas de melhorar o processo de cuidado às pessoas com problemas com álcool e outras drogas”, ressalta a gerente de Saúde Mental da Semus, Dhieine Caminski.

 

Palmas que Te Acolhe

 

O presidente da Fundação Municipal de Juventude de Palmas, Nahylton Alen, acredita que o programa “Palmas que Te Acolhe” foi um dos grandes desbravadores da temática de redução de danos no município. “Com ele, Palmas ganhou força para desenvolver um trabalho melhor, no qual a gente entende que a política de combate às drogas deve ser acima de tudo, uma política de cuidar bem das pessoas. Por isso, todos os profissionais envolvidos devem ter o mesmo direcionamento, a mesma linguagem, tendo a pessoa atendida como centro de todas as nossas ações”, ressaltou.

 

O 2º Fórum Permanente dos Serviços de Saúde é realizado em parceria pela Secretaria Municipal de Saúde, Fundação Municipal da Juventude, Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp), Ceulp/Ulbra e Fiocruz.

 

Programação:

 

8h30 – Credenciamento (inscrições serão feitas no local)

 

9h às 10h30 – Palestra com Tema Redução de Danos e Processo de Cuidado, ministrada por Décio de Castro Alves, psicólogo e interlocutor do Projeto Redes (Senad-MJ/Fiocruz).

 

10h30 às 11h15 – Debate e Sessão de Perguntas

 

11h15 às 12 horas – Leitura da Carta do I Fórum de Integração dos Serviços de Saúde Mental e Encaminhamentos

Sua opinião é muito importante: